Bandeira Nairobi - Wikipédia

Em clima de Copa do Mundo e onde a África se encontra como roteiro turístico da moda , hoje vamos falar uma pouco sobre a fascinante e exótica Nairóbi no Quênia (ou Kênia). Nairóbi é a capital do Quênia, e  não deixa o turista decepcionado quando se fala em reservas naturais, parques e safáris. Apesar de tanta natureza, Nairóbi é o polo econômico do país, com muitas indústrias. Mas é claro que o que vai te atrair para visitar Nairóbi são os seus encantos naturais.

Um dos paraísos de Nairóbi é a Reserva Florestal Kakamega uma área florestal inigualável e moradia de uma enorme variedade de pássaros e de várias espécies de macacos, como o do-rabo-vermelho, macaco colombus-branco-e-preto, e o macaco azul. Então abra bem os olhos e fique atento a tudo o que está ao seu redor, principalmente acima da sua cabeça.

Bandeira Nairobi - Wikipédia

Já o Masai Mara National Reserve é uma reserva especial do povo Masai Mara e tem cerca de 2 quilômetros quadrados. Este é um dos principais destinos para quem vai até Nairóbi procurando fazer um safári fotográfico. Os meses de julho e outubro é época da migração dos gnus e o espetáculo é muito melhor esta época. Mas se não puder ir nesta época, não se preocupe que o espetáculo é formidável do mesmo jeito em outros meses.

Leão em Nairobi (Safari)

Mombasa é o segundo maior porto da África Oriental. Cheio de história e datado do século XII foi destruído pelos portugueses e reconstruído logo em seguida. Mas infelizmente pode-se ver a modificação que ele sofre ao longo dos anos, principalmente se você visitar a Cidade Antiga e o Forte Jesus.

Já o centro de Nairóbi também é impressionante. Comece pela Avenida Kenyatta até chegar a alameda para os peatones; aqui se encontra a Casa Nyayo que mostra o desenvolvimento de Nairóbi. Já o Áfricam Heritage é um grande centro de comercio onde você pode comprar de tudo um pouco, tudo muito típico de Nairóbi.

Nairobi - Foto de Mkimemia - Wikipédia

Indo pela Avenida Moi você chega até Oficina Central do Ferrocarril, construída em 1929, hoje abriga um dos melhores restaurante de Nairóbi. Aqui também está o Museu do Ferrocarril com seus artefatos para lá de curiosos.

Um dos edifícios que mais representa Nairóbi é a formosa mesquita Jamia, com sua deslumbrante fachada branca e cúpulas e seus mirantes. O interior da mesquita é simples, mas não menos belos, já que os pátios são espaçosos e sempre faz frio no seu interior.

E mais para o centro de Nairóbi ainda há os Jardins Botânicos de Nairóbi. O jardim abriga mais de 300 espécies de plantas com uma excelente estrutura. E por fim, não deixe de ver Estrada do Rio onde todas as culturas de Nairóbi ficam misturadas e é um dos ambientes mais animados de todo o Quênia.

E se você pensa que em Nairóbi não há grandes hotési e luxo engana-se, na capital do Quênia é possível encontrar hotéis luxuosissimos como o Hilton Hotel com tudo de melhor que o turista pode querer, por isso fique tranquilo conforto lá é possível sim.

Mas antes de ir aconselho que você compre o pacote turístico através de uma agência de viagens confiável, e antes de embarcar certifique-se de que tudo está realmente em ordem e reservado.

Clima

Seco a maior parte do ano, os únicos meses chuvosos são abril, maio e Novembro.  Em Nairobi chove aproximadamente 66 milímetros por ano. Abril é o mês mais chuvoso da cidade, enquanto julho é o mais seco. A diferença da temperatura média entre o inverno(18 °C) e o verão(20 °C) é pequena, devido a sua localização próxima a Linha do Equador e em uma altitude elevada. O mês mais quente é Março, com a média de 22 °C.

Site com informações: – Nairobi (Em Inglês)