Olinda e Recife são duas belas cidades do nordeste brasileiro, situadas no bélissimo estado de Pernambuco. Elas ficam quase que coladas uma na outra. Com várias atrações, Olinda e Recife são verdadeiras rotas turísticas, tanto pela parte natural, quanto pela cultural. Berço do frevo e de outras danças populares Olinda e Recife são destinos únicos para quem gosta de novidade.

Começaremos por Olinda, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade. Do alto das ladeiras de Olinda você pode avistar ao fundo Recife e seu belo mar azul. Às seis horas você pode preparar os ouvidos, já que os sinos de todas as igrejas tocam formando uma sinfonia sem igual.

Olinda tem um dos mais belos carnavais do Brasil, regado a muitas ladeiras estréias e a muito frevo. Aqui todos pulam o carnaval juntos, sem abadas ou cordão de isolamento; todos se divertem de graça. Tanto é que aqui a festa começa 1 semana antes da data oficial. As pessoas sobem e descem as ladeiras históricas da cidade atrás dos gigantes e tradicionais bonecos e do frevo que contagia todo mundo. Não tem como ficar de fora dessa festa.

O frevo é uma música genuinamente pernambucana do século 19. Os passos da dança simbolizam uma inusitada e diferente mistura entre a dança de salão europeia, inclusive do balé com os passos dos cossacos. No Alto da Sé você encontra tudo do artesanato local, o Museu de Arte Sacra de Pernambuco, além de ser o melhor ponto para registrar os melhores momentos, nas mais belas fotografias que você possa imaginar.

A arquitetura é certamente o ponto alto de Olinda, com suas igrejas, conventos, mosteiros sobrados e casarões. Fique atento a tudo quando estiver andando pelas ladeiras da cidade. Tudo lhe saltará aos olhos.

Já se você irá partir para a cidade de Recife deve começar passeando pela orla da praia de Boa Viagem – vá de trajes leves, já que aqui faz muito calor. O principal ponto de encontro da juventude é o Edifício Acaiaca. Ao chegar o final da tarde e a dica é ir até a Oficina Cerâmica Francisco Brennand, na Várzea, Propriedade Santos Cosme e Damião.

A partir das seis horas da tarde Recife vira reduto dos boêmios e o melhor local para ir é o Bairro do Recife, conhecido como Recife Antigo. Aqui você pode sentar em uma das mesinhas que são colocadas nas calçadas e admirar a vida local e toda a bela arquitetura.

Aos domingos você pode visitar a tradicional feira do artesanato que fica na rua e é conhecida como Domingo na Rua. Além de ótimas compras você pode aproveitar para ver algumas das manifestações culturais do local.