Madagascar é um país com maravilhosas praias e repleto de pequenas ilhas. A sua fauna marinha é extraordinária e atrai mergulhadores e curiosos; além disso, existem fabulosos percursos submarinos.

O bom viajante que quer além de aproveitar essa beleza exuberante e fazer umas compras, saiba que o país é famoso por suas pedras preciosas e semi-preciosas, entalhes em madeira, conchas marinhas, corais e artigos em couro. Não se esqueça de pechinchar em todos os mercados em busca de produtos inigualáveis com preços acessíveis. Só não tente fazer barganha em Diego, lá isso é considerado uma ofensa.

A melhor época para você visitar Madagascar é de abril a outubro já que o clima é quente e úmido. Evite ir de novembro a março já que essa é uma época propícia a furacões e tornados.

Nas principais cidades do país o turista pode desfrutar dos melhores pubs noturnos. Mas os melhores passatempos em Madagascar são certamente suas praias – tanto na ilha principal quanto nas menores, e a natureza que proporciona a pratica do treckking e do montanhismo nos Parques e Reservas Naturais.

Na parte da cozinha é bom ter cuidado com os molhos picantes. A base de todos os pratos é arroz e legumes. O prato mais típico de lá é feito com carne de zebu, legumes temperados em azeite vinagre e curry.

A Reserva Analebe é um dos lugares que merecem ser visitados. São 4 mil hectares de um bosque úmido com pântanos e mangues. Lá é um excelente local para quem gosta de observar os pássaros.

Já a Reserva Beventy é um local cheio de magia juntamente com a Reserva Bealoka. Esses dois locais conservam 30% da floresta original de Madagascar. Os lêmures são o grande atrativo da reserva, além da diversa quantidade de plantas e espécies.

E por fim outro local que deve ser visitado é o Parque Nacional de Isalo, com mais de 81 mil hectares a serem explorados. A paisagem deslumbrante é o principal atrativo, principalmente no Canyon de Singes onde você encontra uma vegetação esplêndida e uma Piscina Natural, com paradisíacas cascatas.