Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina é um lugar que tenho muito ouvido falar e que presumo que ser fabuloso, dado os comentários que tenho lido na blogosfera. A Chapada Diamantina, é uma região serrana, situada no centro da Bahia (Brasil). Sua origem tem cerca de um bilhão e setecentos milhões de anos, e sua formação é composta por materiais expelidos por vulcões pré-históricos, areias, e cascalhos. O local é famoso pela beleza de suas montanhas esculturais e pelas suas cachoeiras.

Chapada Diamantina- Foto de Adelano Lázaro – Wikipédia

Um local inimaginável naquela região, já que o nordeste e o norte do Brasil é famoso por regiões áridas e com pouca água, por isso a Chapada Diamantina surpreende.  Lá nascem 4 rios, Rio das Bacias, Rio Jacuípe, Rio de Contas e Rio Paraguaçu. Suas águas brotam no alto das montanhas formando belas cachoeiras que formam lindas piscinas naturais de águas cristalinas.

Cachoeira do Buracão – Chapada Diamantina – Foto de João Vicente Costa

A mais famosa é a Cachoeira da Fumaça com 380 metros de queda livre.  Na Chapada Diamantina também estão localizados os 2 dos  picos mais altos do Brasil, o Pico do Barbado com 2.033 mts e o Pico das Almas com 1.958 mts. A Serra de Sincorá uma das mais famosas da região, foi núcleo da exploração do diamante em 1840, atraindo milhares de exploradores de todo o mundo em busca de diamantes e da riqueza tão sonhada. Estando por lá não deixe de visitar o Museu Vivo do Garimpo.

A Chapada Diamantina não é só serras e cachoeiras, Lençóis é uma cidade que fica a 394 mts de altitude, é considerada o maior polo turístico da região, sendo considerada o coração da Chapada Daimantina. Lençóis tem uma ótima infra-estrutura turística. Visitam Lençóis cerca de 100.000 turistas por ano, permanecendo em média 8 dias na cidade. Lençóis é considerada omo um dos 10 melhores destinos turísticos do Brasil, apresentado pelo GUIA 4 RODAS – mais importante guia de viagem do Brasil, e considerada o melhor destino de ecoturismo.

Além de Lençóis, você pode visitar também Mucugê, Vale do Capão, Andaraí, Igatu e Ibicoara; em qualquer uma destas localidades você encontrará pousadas charmosas, lojas de artesanato local, e locais para desfrutar a gastronomia local. Os amantes de esportes radicais poderão fazer rapel, tirolesa, trekking, trilha leve, escalada, e muito mais. Acho que não é preciso dizer mais muita coisa não é mesmo? Com todos estes atributos, a Chapada Diamantina torna-se um destino turístico mais do que convidativo.

Saiba mais em:

Guia Chapada Diamantina

Terra Chapada