Sevilha é uma cidade espanhola que é iluminada pelo sol escaldante o ano todo, isso faz com que as cores da cidade sejam ressaltadas e vibrantes, por onde quer que você vá. Sevilha é escaldante e totalmente mágica!! Tudo fica mais intenso e belo em Sevilha. Sevilha é a quarta maior cidade espanhola, e também uma das cidades mais quentes da Europa. Há 52 dias de chuva por ano, 2.898 horas de sol e 4 dias de leve possibilidade de gelo. A temperatura media anual é de 18,6 °C, os invernos são suaves. Janeiro é o mês mais frio, com médias entre 5,2 °C e 15,9 °C e os verões são muito quentes. Julho possui as medias mais altas,  entre 19,4 °C e 35,3 °C e todos os anos superam-se os 40° em varias ocasiões.

Lá o calor é tanto que o comércio tem por hábito fechar por volta de 13h00 e reabrir somente às 18h00 devido as altas temperaturas que assolam a localidade no período da tarde. Por esta razão, a noite o comércio quase sempre se encontra aberto até as 21h00 nos meses de verão!

Sevilha é capital da Andaluzia, região sul da Espanha, e conserva ainda suas características antigas, apesar de ter sido transformada em uma metrópole moderna. Aqui é o berço do flamenco e este é o ritmo que embala todas as noites dos turistas e moradores locais. Prepare-se para fortes e intensas emoções.

Uma das atrações da cidade é a magnífica residência de Reales Alcázares, aqui você pode ver os trabalhos dos grandes artesãos espanhóis. Já a Catedral de Sevilha e Torre Giralda é um verdadeiro cartão-postal da cidade. O ponto a ser visitado aqui é La Giralda, uma enorme torre que é o marco da paisagem da cidade e o esplêndido Pátio de Los Naranjos, além do suposto túmulo do descobridor Cristóvão Colombo.

O Bairro de Triana fica em uma das margens do Rio Guadalquivir. Aqui é o berço do flamenco, por isso há várias casas e bares tradicionais e especializados na dança. As fachadas não ricas e cheias de adornos de cerâmica.

A Basílica de la Macarena é onde está a padroeira da cidade, a imagem de La Macarena. Ao redor da catedral você encontra inúmeras lojas que vendem a imagem da santa. Já a Torre del Oro, pode não ser muito alta, nem imponente, mas é um dos ícones da cidade de Sevilha e parca a passagem do Rio Guadalquivir; aqui você pode subir até o alto dela e ter a visão privilegiada de toda a paisagem da cidade. Não perca esta oportunidade.

E por fim, não saia de Sevilha sem antes ir até o Bairro de Santa Cruz, é a parte mais antiga e histórica de toda a cidade. Aqui antigamente vivia uma comunidade judaica. Hoje o bairro é cheio de lojas, casarões conservados, além de ótimos bares e restaurantes. A dica é reservar um dia inteiro só para o bairro, já que percorrer as ruas é a melhor maneira de ver os pontos turísticos clássicos de Sevilha.

Ir à Espanha e não conhecer Sevilha é uma grande falha, por isso programe-se com antecedência para não perder a magia desta cidade! 😉

Conheça o site: – Visita Sevilla