Museu Memorial do Holocausto dos Estados Unidos

Sou uma grande admiradora da cultura judaíca e da história do povo judeu. Um dos meus livros preferidos, o qual aconselho vivamente a leitura é “O Último Cabalista de Lisboa” do escritor Richard Zimler, que narra a saga da família Zarco durante a Inquisição em Portugal por volta de 1506.

O livro é rico em detalhes e nos faz penetrar vivamente no sofrimento deste povo que durante a história da humanidade sofreu perseguições e sofreu as piores atrocidades que se pode imaginar.

Já falei aqui também no Museu Anne Frank, uma menina que sofreu e morreu aos 15 anos de idade num campo de concentração.

Anne Frank – Foto Museu do Holocausto ©

Pela minha admiração pelo povo judeu e para que nunca mais se presencie sobre a face da Terra atos insanos como os cometidos contra eles, venho hoje vos falar sobre o Museu Memorial do Holocausto dos Estados Unidos (United States Holocaust Memorial Museum), destinado a preservar a memória dos sobreviventes e vítimas do Holocausto. Criado em 1993, o Museu Memorial do Holocausto já recebeu quase 30 milhões de visitantes, incluindo mais de 8 milhões de crianças em idade escolar e diversos chefes de Estado.

O acervo (exposição) do Museu Memorial do Holocausto contém 900 artefatos, filmes históricos e testemunhos, distribuidos em 4 pisos. O quarto piso abrange os anos 1933 a 1940, o terceiro piso abrange os anos 1940 a 1945, o segundo andar incide sobre resistência judaica sob o regime nazista, resgate, libertação, e anos do pós-guerra. O final da exposição conta com o filme sobreviventes do Holocausto, que é executado continuamente.

Para saber mais sugiro uma visita ao site oficial: – United States Holocaust Memorial Museum (em diversos idiomas, inclusive português)

O site oficial conta com a Enciclopédia do Holocausto onde é possível encontrar inúmeros artigos relativo ao Holocausto como: Mulheres no Holocausto, Liberação dos campos Nazistas, Resistência Judaica, Auschwitz, Trabalho Forçado, Guetos, Refugiados, e muito mais.