Lhasa é a capital da província do Tibete, que fica perto da China. É uma das cidades mais altas do mundo e está localizada em um vale entre as montanhas do Himalaia. Uma paisagem certamente inesquecível se você souber como apreciar esse pedaço de cidade encravado nas montanhas.

A cidade possui diversos pontos turísticos como o Palácio de Potala e o Norbulingka que foram as casas de verão do famoso líder espiritual do Tibete Dalai Lama. Potala é uma fortaleza que fica em uma pequena elevação bem no centro da cidade; é o maior conjunto arquitetônico acima da altura do mar no mundo todo. O palácio foi todo construído em granito e tem cerca de mil salas e pavilhões ricos em detalhes e decoração.

Todas as cerimônias budistas do Dalai Lama são realizadas dentro deste palácio. Já Norbulingka é considerado o palácio de verão e tem o formato de um retângulo vermelho e juntamente com Potala faz parte do Patrimônio da Humanidade da UNESCO.

A Rua Barkhor fica no centro da cidade e possui uma forma surpreendente com as lojas, supermercados e restaurantes todos dispostos em formato circular. As lojas desta rua trazem os melhores produtos do local como trajes e adornos tibetanos e todos os produtos provenientes de Nepal e da Índia.

A dica é você ir bem cedo a Rua Barkhor, logo às 9 horas da manhã. É neste horário que você pode apreciar os artesanatos e os artesões locais, além de fazer uma boa pechincha nos preços das mercadorias. Mas esta rua fica ainda mais exuberante a noite, quando são acessas as suas lâmpadas coloridas. Uma visão inesquecível.

Lhasa certamente é diferente de tudo o que você já viu; ela mistura um ar de centro turístico com cidade pacata. É uma cidade muito procurada por que quer se arriscar no Himalaia, já que serve como um preparo para as grandes alturas da montanha.