Huacachina o tesouro natural do Peru

Huacachina situado no Deserto de Paracas, as Linhas de Nasca, Ica e a Ilha de San Gallán são alguns dos tesouros naturais do sul do Peru que atraem a cada dia mais turistas. Cenário ideal para a prática de muitos esportes de aventura, Huacachina, é charmoso deserto de areia fina e dunas palco de grandes e grandes competições esportivas como o Rally Dakar 2018 e a exigente Maratona das Areias (Marathon Des Sables), que pela primeira vez será desenvolvida nesta parte do mundo, em novembro desse ano de 2017

A viagem para Huacachina é cheia de muitas atrações e paisagens de tirar o fôlego. O circuito começa na cidade de Paracas, a apenas 250 quilômetros ao sul de Lima, onde o deserto e o mar se unem de forma surpreendente. As praias, margeadas por belas falésias, são cheias de vida e são habitat de milhões de aves provenientes do Norte e do Sul do continente. Paracas também se destaca por ter uma oferta hoteleira de alto nível com hotéis 5 e 4 estrelas, que oferecem todas as comodidades e uma excelente gastronomia regional com influência africana.

 Huacachina o tesouro natural do Peru - Foto de Marco Garro ©
Huacachina o tesouro natural do Peru – Foto de Marco Garro ©

Ilha de San Gallán, um paraíso para os surfistas

Esta não é uma praia, mas tem uma das ondas mais apreciadas pelos surfistas locais. Em San Gallán, situada na Reserva de Paracas, há uma onda direita muito divertida e com grandes seções tubulares. É importante lembrar que para realizar este esporte na ilha é necessário solicitar uma permissão ao Serviço Nacional de Áreas Naturais Protegidas do Peru (SERNANP).

Ica, terra do sol e grandes vinhedos

Cerca de  75 quilômetros ao sul, chega-se ao centro da cidade de Ica, “terra do sol e grandes vinhedos”. Aos arredores da cidade se encontram as melhores vinícolas do país, as mesmas que dão origem às marcas mais famosas de vinho e do pisco, a bebida emblemática de bandeira peruana. As vinícolas oferecem passeios pelas suas instalações, explicam e fazem degustação de pisco. Também é possível almoçar enquanto se assiste a uma típica apresentação de Cavalos de Paso Peruanos, bem como do alegre Festejo (danças afro-peruanas).

Oásis de Huacachina

Convertido em um grande atrativo e importante centro de recreação para toda a família, o oásis conta com hotéis confortáveis, e dali é possível praticar alguns dos esportes favoritos dos visitantes: uma combinação de passeios em veículos apropriados para areia para a prática de sandboard.

Linhas de Nasca

As Linhas de Nasca, chamadas assim desde a sua descoberta, em 1927. São os traços mais surpreendentes e misteriosos deixados por uma cultura forjada 300 anos antes da era cristã: o resultado de seus complexos desenhos e traçados, alguns de quase 300 metros de comprimento, são admirados e valorizados até hoje, tornando-se um dos principais destinos turísticos do Peru. Lembrando que é possível fazer voôs em pequenos aviões que sobrevoam a área, dando acesso a todas as figuras, ou de pontos de observação estrategicamente localizados, permitindo a visualização de três desenhos.

Aquedutos Cantayoc

Os aquedutos de Cantayoc, são uma extensa rede de canais subterrâneos e reservatórios, e o centro cerimonial de Cahuachi, considerada a “capital” do condado de Nasca. O lugar é composto por seis conjuntos arquitetônicos que estão localizados sobre colinas rochosas em uma área de 25 hectares. Sua principal construção é uma pirâmide de adobe de 20 metros de altura e 100 metros de comprimento colada à uma colina.

Todas essas opções transformam o Circuito Sul do Peru em um conjunto de destinos e atrativos imperdível para qualquer turista que decida visitar o Peru.

Fonte: PromPerú©