Por isso eu costumo dizer que Portugal é um país raro e que preserva sua história, este é mais um exemplo disso, e por isso divulgo com prazer;  refiro-me as exibições de voo de lindos falcões que decorre no Palácio de Queluz, de terça a domingo, às 12h00, nos jardins do Palácio de Queluz. Juntamente com as exibições de voo desta magnífica ave, o turista tem acesso  a visita guiada às instalações das mesmas, bem como à nova exposição sobre falcoaria.

Créditos Pedro Yglesias©
Créditos Pedro Yglesias©
Créditos Pedro Yglesias©
Créditos Pedro Yglesias©

A arte da Falcoaria em Portugal teve grande expressão na segunda metade do século XVIII, especialmente no Palácio de Queluz, altura em que a Casa Real detinha os falcões de caça mais raros e cobiçados, trazidos de lugares longínquos.

falcoaria-palacio-de-queluz

Os visitantes poderão com a aquisição de um suplemento ao bilhete para o Palácio ou Jardim, assistir aos voos das aves e, de seguida, serem guiados pelos falcoeiros numa visita de apresentação das instalações da falcoaria, conhecendo as caraterísticas de cada espécie e demais pormenores ligados ao tema.

falcoaria