Vamos comemorar, é com grande orgulho que vos trago esta notícia.  O Chalet e Jardim da Condessa d’Edla, um novo polo turístico no Parque da Pena, em Sintra,venceram o Prémio Turismo de Portugal 2011 para “Novo Projeto Público”. Este Prémio, na sua 7ª edição, pretende destacar os projetos turísticos que mais contribuem para o desenvolvimento e prestígio do sector, e contou este ano com 150 candidaturas de todo o país.chalet-jardim-condessa-d-edla

Esta distinção para o Chalet e Jardim da Condessa d’Edla vem juntar-se a outros prémios já recebidos pela Parques de Sintra, nomeadamente o Prémio Grémio Literário 2011 para o Palácio de Monserrate e Chalet da Condessa d’Edla, o Prémio Turismo de Portugal 2010 para o Palácio de Monserrate, a integração do Palácio Nacional da Pena nas Sete Maravilhas de Portugal em 2007, a Menção Honrosa da Condé Nast 2011 para gestão de eventos MICE, e o European Enterprise Award para o projeto de integração de reclusos.

O Chalet e Jardim da Condessa d’Edla foram construídos por D. Fernando II e sua segunda mulher, Elise Hensler, Condessa d’Edla, entre 1864-1869, na zona ocidental do Parque da Pena, segundo o modelo dos Chalets Alpinos. O edifício foi concebido como construção de recreio, de caráter privado, e o arranjo paisagístico da zona envolvente reuniu espécies botânicas de todo o mundo. Após prolongado abandono o edifício foi destruído por um incêndio em 1999, que consumiu estrutura interior e coberturas, deixando apenas as paredes exteriores de alvenaria. Em 2007, a PSML iniciou a recuperação do conjunto, apoiada pelo fundo EEA-Grants, criando um inédito e brilhante novo polo de atração em Sintra, reaberto ao público em 2011.

Fonte: Maria Alcaparra Comunicação