Ruinas de Conímbriga

Por ser um país muito antigo e já povoado por inúmeros povos, Portugal tem muitos monumentos e ruínas. E um dos destinos para você ver a maior povoação romana que habitava Portugal é Conímbriga. As ruinas de Conímbriga ficam há 16 km de Coimbra, e é um local com uma extensa área de arqueologia romana e classificada como Monumento Nacional.

Na verdade Conímbriga foi a principal cidade depois da invasão romana a Península Ibérica.  Essa verdadeira estação arqueológica além de abrigar e conservar as ruínas ainda tem um Museu Monográfico de Conimbriga onde ficam expostos todos os artefactos que são encontrados nas escavações das ruínas; aqui você pode ver desde moedas até instrumentos cirúrgicos. Tudo o que imaginar que aquelas ruínas de Conímbriga escondem, estão armazenadas no museu.

Ruinas de Conímbriga
Ruinas de Conímbriga

Conímbriga ainda conserva as suas muralhas e foi palco  de grandes disputas e  luta pelo território que foi invadido por outros povos. As escavações das ruínas de Conímbriga começaram em 1899, graças à aprovação da rainha D. Amélia que deu subsídios para que ela começasse. Entre 1930 e 1940 foi escavada a maior parte das terras da muralha leste e descobertos algumas termas públicas e três vivendas, com destaque para a Casa dos Repuxos que tem quase 600 m².

Conímbriga
Conímbriga

Depois ainda foram descobertos um antigo fórum (já demolido na época dos romanos para a construção de outro), novas termas e um aqueduto que traria água até Conímbriga. Mas foi em 1955 que o ritmo das escavações ficou mais intensos e vários outros materiais foram encontrados; foi a partir dessa data que o museu de Conímbriga foi fundado.

Chão de Mosaico - Ruinas de Conímbriga
Chão de Mosaico - Ruinas de Conímbriga

Quem escolhe visitar as ruínas de Conímbriga poderá ver o esplendor da época romana e ver o maior e melhor sitio arqueológico à céu aberto de toda Portugal. E não deixe de visitar o Museu de Conímbriga e ver de perto todas as peças que os escavadores conseguiram retirar das ruínas e preservar, bem como os bélissimos mosaicos espalhados por todos os cantos de Conímbriga.

Agora digam-me se Portugal não é simplesmente surpreendente e encantador? 😉

Site Oficial: Conímbriga