Detalhe Telhado Cidade Proibida da China

A Cidade Proibida da China é uma das maravilhas a serem visitadas na China, juntamente com as famosas Muralhas. Ela começou a ser construída em 1406 durante a Dinastia Ming e demorou incríveis 14 anos para ser terminada. Ela foi lar de 24 Imperadores Ming e King e era centro da antiga Pequim.

A Cidade Proibida foi desenhada como o centro da antiga cidade muralhada de Pequim. Fica encerrada numa grande área muralhada chamada de “Cidade Imperial”.

O desenho da Cidade Proibida, do seu esboço geral ao mais pequeno detalhe, foi meticulosamente planeado para reflectir os principios filosóficos e religiosos, e sobre todos os simbolismos a majestade do poder Imperial.

A Cidade Proibida está rodeada por uma muralha com 7,9 metros de altura e por um fosso com seis metros de profundidade e 52 metros de largura. As paredes têm 8,62 metros de largura na base, afunilando para 6,66 metros no topo. Estas muralhas serviram como paredes defensivas e de retenção para o palácio. Foram construídas com um coração de taipa, e recobertas com três camadas de tijolos especialmente cozidos, em ambos os lados, com os interstícios recheados com argamassa.

Ela tem um formato retangular com 720 mil metros quadrados; é cercada por um fosso de 6 metros de profundidade e muros de dez metros de altura, que suporta até tiros de canhão.

A cor amarela domina os telhados, quase todos os telhados da Cidade Proibida ostentam telhas amarelas vidradas, a cor do Imperador. Em cada canto do teto você observa pequenas estatuetas. Outra curiosidade sobre a Cidade é que cada número servia para descrever a posição social do proprietário.

Detalhe Telhado Cidade Proibida da China
Detalhe Telhado Cidade Proibida da China

Ela é totalmente simétrica e possui um eixo central. A arquitetura dele é de deslumbrar qualquer pessoa. Você pode percorrer ela inteira e encontrar cada um dos seus 4 portões de entrada. Ela ainda abriga nove mil palácios e cômodos. Algo realmente espetacular que você nunca viu em cidade alguma, quanto mais em um pequeno espaço dentro de Pequim.

Quando for visitar a cidade proibida perceba que ela é dividida em duas partes: a parte dianteira onde eram feitos os cerimoniais e eventos do país inteiro e a parte traseira onde o trabalho e a vida cotidiana do imperador e da família tinham prioridade.

Na parte dianteira há três palácios que você precisa visitar o Palácio Tai He (o maior de todos), o Palácio Zhong He e o Palácio Bao He. Os da parte traseira são: Palácio Qian Qing, o Palácio Jiao Tai e o Palácio Kung Ning.

Atualmente a Cidade Proibida também tem servido como local de actuação. No entanto, o seu uso para este propósito é estritamente limitado devido ao pesado impacto dos equipamentos e das actuações nas antigas estruturas. Quase todas as actuações anunciadas como sendo “na Cidade Proibida” realizam-se, na verdade, fora das muralhas do palácio.

Galeria Suprema Harmonia
Galeria Suprema Harmonia

A Cidade Proibida é enorme e cheia de histórias e belezas que podem ser contempladas. Para conhecê-la realmente bem é preciso de um dia inteiro – ou até mais. E é bom você reservar um par de tênis bem confortável para isso.

Fotos: Wikipédia

Ler também:

. Turismo pela bela Beijing – Pequim